Tamanho do texto

Reggae e rock leve são boas opções de música para cachorros

Colocar música para cachorros ouvirem pode ser divertido, mas será que são todos os gêneros que agradam os pets? Uma pesquisa recente da organização protetora dos animais SPCA Escocesa e da Universidade de Glasgow mostrou que a música pode afetar os cães, de forma positiva ou não. Além disso, também sugeriu que os animais têm preferência por estilos mais tranquilos e menos barulhentos, como reggae e rock leve.

Leia mais:  Cãozinho curioso prende a cabeça na roda de um carro nos EUA

Música para cachorros tem de ser leve e tranquila, segundo estudo
Reprodução/ Pinterest
Música para cachorros tem de ser leve e tranquila, segundo estudo





Para fazer o teste, os cientistas tocaram várias canções de estilos diferentes, como rock leve, motown, pop, reggae e clássico, para os animais em um canil em Dumbarton, na Escócia. Ao colocar música para cachorros , a equipe notou mudanças psicológicas e comportamentais.

As alterações positivas foram observadas quando eram tocados reggae e rock leve, apesar de cada cachorro ter seu próprio gosto musical, segundo o professor Neil Evans. "Em geral, a resposta para diferentes gêneros foi misturada, evidenciando a possibilidade de que, como os humanos, nossos amigos caninos têm suas próprias preferências musicais", explicou Evans a BBC News.

Música para cachorros: saiba quais gêneros musicais agradam os pets
Reprodução/ Pinterest
Música para cachorros: saiba quais gêneros musicais agradam os pets




O interessante é que os cães passavam "significativamente mais tempo deitados e menos tempo em pé" quando alguma música era tocada, independente do gênero, segundo os pesquisadores. Outra observação é que essa tendência dos cães ficarem deitados também levou à uma redução dos batimentos cardíacos e do estresse dos animais, deixando-os mais calmos.

A estudante de pós-graduação Amy Bowman, participante do estudo, explicou a análise: "Nós estávamos interessados em explorar os efeitos de tocar diferentes gêneros de música. Estava claro que as mudanças psicológicas e comportamentais observadas eram mantidas durante o teste, quando os cachorros foram expostos a uma variedade de músicas."

Veja também:  Crianças preferem animais de estimação a irmãos, diz estudo

via GIPHY



Depois de acessar esses resultados, a organização de defesa dos animais SPCA Escocesa pretende investir em sistemas de som para seus canis, a fim de fazer os cachorrinhos mais felizes. "Nossos centros em Glasgow e Edimburgo têm capacidade para tocar música nos canis hoje", afirmou Gilly Mendes Ferreira, da SPCA Escocesa.

E parece que projetos de música para cachorros vão ser ampliados para outros lugares, além de o estudo poder ser feito com outros animais também. "No futuro, todos os centros serão capazes de oferecer aos nossos amigos de quatro patas uma lista de músicas aprovadas por cães. E há o objetivo de expandir essa pesquisa para outras espécies sob nossos cuidados."

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.