Tamanho do texto

O cão que come grama em excesso pode estar com algum problema gastrointestinal e necessita de tratamento

Se você tem um jardim ou leva o cachorro para passear em parques, com certeza já viu o bichinho comendo grama alguma vez. Alguns animais chegam até mesmo a vomitar depois disso. Esse é um comportamento comum para a maioria dos pets, mas que causa dúvida, preocupação e espanto em muitos donos.

Leia mais:  Cachorro com dor de barriga: como lidar com esse problema?

Existem muitos motivos que levam os cachorros a comer grama . A teoria mais comum é que os pets tomam essa atitude para aliviar alguma dor ou desconforto abdominal. O vômito muitas vezes se dá porque o sistema digestivo dos cães não está preparado para as propriedades vegetais das plantas, que irritam o seu estômago por serem animais com alimentação principal carnívora. 

Por que o meu cachorro come grama?

É importante observar a frequência com que o pet ingere matinhos. Isso pode indicar problemas de saúde graves que levam o animal a tentar induzir o vômito; tais como desconforto gástrico, digestão lenta, distensão gástrica por gases, cólicas intestinais, gases em alças intestinais, fezes ressecadas ou até mesmo diarreia.

Problemas gastrointestinais podem fazer com que o cão coma grama.
Reprodução/ Shutterstock
Problemas gastrointestinais podem fazer com que o cão coma grama.


Entretanto a comunidade científica ainda não chegou a um consenso sobre os motivos que levam a esse comportamento. Em uma pesquisa realizada em 2008 por acadêmicos da Universidade da Califórnia foram entrevistados 25 donos de cachorros. Todos constataram que os seus pets comiam grama, mas nenhum bichinho sofria alguma doença gastrointestinal. Mesmo assim, 8% dos animais vomitaram depois do ato. Isso leva os pesquisadores a crer que problemas estomacais não são um fator determinante para esse comportamento.

Segundo eles, a cor e o sabor desses vegetais os tornam atraentes para o pet, que podem os colocar na boca como forma de matar a curiosidade ou por simples tédio. Outra explicação seria que o animal estaria sendo submetido a uma dieta deficitária e comeria a grama para complementar a produção das vitaminas A, E e K.

Veja também:  Grama para gatos - entenda a relação dos bichanos com a grama

Quais cuidados tomar com cachorros que comem grama?

É normal que pequenas quantidades de matinhos sejam consumidas - eles são até benéficos para a sua saúde. Entretanto, se essa ingestão for feita em excesso problemas digestivos e até mesmo respiratórios podem acontecer.

Comer grama em excesso pode ser perigoso para a saúde do seu pet.
Reprodução/ Shutterstock
Comer grama em excesso pode ser perigoso para a saúde do seu pet.


Para evitar isso, balanceie a dieta do cão, o alimentando duas ou três vezes ao dia com uma ração adequada e conforme o seu peso. Também é importante ajudar o animal a aliviar o estresse e ansiedade, isso pode ser feito mantendo a sua atenção com brinquedos e exercícios físicos regulares. Quando sair com o pet, o recompense periodicamente com petiscos para tirar a sua obsessão com o mato.

Leia mais:  As reações de animais que fizeram algo pela primeira vez são hilárias

A grama também pode conter vermes que transmitem doenças ao animal. Para evitar isso, consulte o seu veterinário para que ele recomende algum vermífugo adequado.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.