Tamanho do texto

Apesar dos donos ficarem bravos com essa atitude dos felinos, é um comportamento da natureza deles

Se você é dono de um gatinho, já deve ter percebido que ele gosta de afiar as unhas. O problema é quando ele usa a mobília de casa para isso. Mas tenha paciência com seu pet, pois é do intinto do felino ter essa atitude.

Mais:  Saiba qual arranhador para gatos é o ideal para seu pet!

Arranhar é importante para os gatos por vários fatores: o bichano amola as unhas; é uma forma dele deixar sinais visuais e olfativos no objeto, demarcando seu território; e é quase um exercício, já que ele alonga e contrai os músculos do ombro, patas e costas.

É por isso que os donos não devem reprimir tal ação dos felinos, afinal, é uma atitude normal e muito instintiva. O que você pode fazer é ensiná-los a arranhar no lugar certo. Vai ser preciso bastante esforço do dono para que seu gatinho pare de destruir os móveis da casa. 

Saiba dica para evitar que seu gato arranhe os móveis da casa
Reprodução
Saiba dica para evitar que seu gato arranhe os móveis da casa


Invista em arranhadores

Comprar um arranhador é a melhor opção, pois ele serve justamente para esse propósito. Existem vários modelos no mercado, basta ver qual combina melhor com o porte do seu animal. Procure um que seja do tamanho do animal quando ele estiver esticado e em pé. O objeto tem que ser firme, não amassar e nem entortar com o peso do gato. Mas tome cuidado para que o arranhador não seja pesado e grande demais, pois pode cair em cima do pet. Experimente e veja se o modelo se adequa bem ao animal. 

Depois de comprado, pense antes qual o melhor lugar para por ele. Um ótima dica é ver quais são os móveis preferidos do animal e colocar o arranhador perto deles. Por exemplo, se o felino adora arranhar o braço do sofá, encoste o arranhador nesse lugar. Assim, o produto será uma barreira mecânica para o gatinho conseguir chegar ao sofá, além de ser um local apropriado para afiar as unhas. Mas, se o seu bichano arranha muitos móveis, espanhe arranhador por todos eles. Ter mais de um é o ideal. Dessa forma você consegue diminuir a probabilidade do gato arranhar a mobília. 

Veja também:  Confira cuidados necessários ao seu gato idoso!

O que fazer se o gato continuar arranhando os móveis?

Primeiramente repreenda a atitude do animal. Falar um "não" firme sempre que o animal começar a afiar as unhas em algum móvel é uma forma de corrigir o comportamento do animal. Quando o gato perceber que lá não é o lugar correto, com o tempo ele pode diminuir o interesse por aquela superfície. Evite brigar com o bichano quando ele estiver perto do arranhador, pois ele precisa associar aquele objeto a momentos felizes e agradáveis.

Outra dica é utilizar água para impedir o gato de arranhar indevidamente. Espirre nele sempre que se aproximar do local e começar a passar as unhas. Água não machuca, mas ajuda a ensinar ao gato que se ele ter taç atitude, receberá um esguicho desagradável. Existem também sprays para adestramento, que podem ser aplicados na mobília. Como ele tem um cheiro bem forte, repele o gatinho. Porém, esse animais são bem insitentes, então você terá que reaplicar o spray sempre que o cheiro estiver saindo para que o bichano não volte àquele lugar. 

Saiba dica para evitar que seu gato arranhe os móveis da casa
Reprodução Pinterest
Saiba dica para evitar que seu gato arranhe os móveis da casa


Se o seu gato tiver uma preferência pelo sofá e não gostar da ideia de usar spray de adestramento nele, pode optar por aplicar substâncias que o gato não goste. Por exemplo, utilizar álcool, algum óleo essencial de limão ou até ambientadores de móveis. Antes de fazer isso, limpe o sofá com água e sabão para tentar neutralizar o odor do gato. Eles são muito territoriais e vão tentar arranhas as coisas que consideram parte do seu território.

Ainda no caso do sofá, tentar cobri-lo com alguns tecidos que sejam menos estimulantes, como algum lençol velho, pode ajudar a perder o interesse pelo móvel. Esta técnica deve ser mantida até que o animal esqueça a mobília e se acostume com o arranhador. Você também optar por colocar capas plásticas no móvel. Quase nenhum gato gosta da sensação nem do cheiro desse material. Outra opção é colocar uma bexiga cheia embaixo da capa do sofá. Assim, quando o animal for arranhar o móvel, o balão vai estourar e assustá-lo. 

Existe também a possibilidade de criar uma barreira com a ajuda de um detector de movimento afixado a um spray ou barulho ultrassônico. Essa opção é apenas para que o gato não associar a punição aos humanos, pois, se isso ocorrer, poderá começar a arranhar os móveis em segredo ou até mesmo apresentar medo de quaisquer humanos.

Melhorando as unhas do bichano

Manter as unhas do animal bem aparada pode ajudar. É uma forma de você controlar o crescimento das garras, já que eles só arranham para "lixar" o excesso de crescimento e afiá-las. Se não souber o método certo de fazer isso, procure locais e pessoas treinadas para te ajudar. Tentar cortar a unha do pet em casa pode causar ferimentos, já que eles têm um vaso de sangue que passa por dentro da unha. Quando cortado de forma inadequada, pode causar sangramento, dor e traumas.

Saiba dica para evitar que seu gato arranhe os móveis da casa
Reprodução Pinterest
Saiba dica para evitar que seu gato arranhe os móveis da casa


Outra saída é usar protetores de unhas no gato. Atualmente é facilmente encontrado à venda esse produtos. Sua função é cobrir as garras do pet e, consequentemente, proteger os móveis. Procure um especialista se não souber a forma correta de por. Lembre-se: o produto cai dentro de três a seis semanas e, então, precisa ser reaplicado.

Veja também:  Adoção de gatos: todos os passos para ter um felino sem maiores problemas

E, nunca se esqueça, os gatos precisam que os donos tenham paciência para aprender normas de conduta. Vá educando ele aos poucos para que pare de arranhar os móveis e se acostume com os arranhadores. Jamais dê bronca à toa, pois seu gato não entenderá porque está tendo essa atitude e não o receberá da forma adequada, vai ficar assustado, aumentando assim a sua ansiedade.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.