Tamanho do texto

Por ser fonte de potássio, a banana é fundamental para o bom funcionamento dos músculos do animal

A alimentação do cão é um assunto de extrema importância para os donos. Sua saúde será determinada a partir do que é selecionado durante as refeições. Oferecer ração ainda é mais comum nas casas. Porém, nos últimos tempos, os tutores tem se preocupado em montar uma dieta menos industrializada, com itens naturais e frescos. 

Leia também: Veja as comidas comuns que podem matar seu cachorro

Por melhor que seja, oferecer alimentos naturais, saiba que nem todos devem ser incluídos porque podem fazer mal à saúde do pet, mas não é o caso da banana. Sim, essa fruta barata, facilmente encontrada em feiras e supermercados e presente na maioria das casas brasileiras pode ser incluída na alimentação do cão , mas de maneira moderada.

A banana está entre as frutas que podem ser incluídas na alimentação do cão por trazer diversos benefícios
reprodução shutterstock
A banana está entre as frutas que podem ser incluídas na alimentação do cão por trazer diversos benefícios

Segundo Ingrid Stein, veterinária da DogHero, plataforma que conecta mães e pais de cachorro a anfitriões que hospedam os pets em casa, ela é considerada uma ótima fonte de potássio, fundamental para o bom funcionamento dos músculos, até mesmo dos companheiros de quatro patas.

A especialista explica que a banana ajuda no trato gastrointestinal, principalmente se o cachorro estiver com algum problema nessa região. Um dos minerais presentes na fruta, o magnésio, auxilia na absorção de vitaminas, na produção de proteínas e crescimento e fortalecimento dos ossos.

Leia também: Quais alimentos de humanos o cachorro pode comer?

Por sorte os cães dificilmente recusam a banana. Os três tipos de açúcares presente — a glicose, a sacarose e a frutose — exalam um cheiro forte que aguça o faro apurado dos cães. Dessa forma, a fruta se torna saborosa aos olhos do bichinho. "O ideal é torná-la um agrado especial após ele acertar um novo comando", recomenda Ingrid.

No entanto, por mais benefícios que banana traga, não é algo para se oferecer em excesso. "O alimento não deve fazer parte da alimentação diária do pet, devido ao alto teor de açúcar que consequentemente pode causar obesidade canina, desbalanço da flora intestinal e diabetes", explica a veterinária.

As frutas num geral fazem muito bem para a saúde do pet, mas devem ser oferecida de forma moderada
reprodução shutterstock
As frutas num geral fazem muito bem para a saúde do pet, mas devem ser oferecida de forma moderada

Apesar do alerta, num geral, as frutas são ótimos alimentos. Além de gostosas, são grandes fontes de nutrientes e antioxidantes. Adicioná-las nas refeições aumenta naturalmente a qualidade da nutrição canina. Consequentemente, melhora o sistema imunológico e protege o animal de várias doenças. 

Outras frutas permitidas na alimentação do cão

Além da banana, existem outras frutas que fazem muito bem ao cão. É o caso da maçã, pera, kiwi, manga, laranja, mirtilo, morango, caqui e goiaba. O recomendado é tirar todas as sementes para evitar intoxicação. Não ofereça em grandes quantidades, principalmente aquelas ricas em açúcar.

Leia também: Petiscos naturais ajudam a educar e cuidar da saúde do cão ao mesmo tempo

Se decidir incluir a banana ou alguma outra da lista na alimentação do cão, lembre-se de antes consultar o veterinário. Ele poderá administrar conforme o tamanho e estilo de vida do pet, ou então informar se seu amigo é intolerante a determinada fruta.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.