Tamanho do texto

Os amantes das trilhas também podem levar o cachorro para a aventura, Alexandre Rossi explica como

Olá, amigos do Canal do Pet! Hoje, vou falar para vocês sobre fazer trilhas, uma atividade diferente que pode incluir os cães. 

+ Cuidado! Algumas plantas ornamentais são perigosas para os animais de estimação

Isso mesmo! A atividade de fazer trilhas não tem sido um sucesso somente para pessoas com perfil mais aventureiro, mas também por aquelas que têm um cão com esse perfil e gostariam de dividir momentos de diversão com ele.

É possível sim fazer trilhas com o cachorro e se divertir
shutterstock
É possível sim fazer trilhas com o cachorro e se divertir


Mas que perfil é esse?

Nem todo cachorro tem aptidão natural para seguir por uma trilha com seus tutores. O pet deve ser desinibido, confiante, sociável com pessoas e outros cães, e ter nível de energia de moderado a médio, para ter pique e se divertir! Raças com focinho mais curto (os chamados braquicefálicos) podem ter mais dificuldade para aguentar um passeio desse tipo.

Cuidados

Não basta chegar a uma trilha e soltar o seu cão para que ele o acompanhe. Especialmente se ele for um cachorro mais novo e/ou cheio de energia, provavelmente ele vai preferir explorar todo o ambiente, ir atrás de animais que perceba pelo caminho e pode até se perder.

Portanto, no início, até que se tenha um controle ideal, é indicado utilizar uma guia mais longa para ir controlando os impulsos do cão. Outra dica é começar por caminhos em parques mesmo, com o cão na guia, e ir treinando o “vem” e o “junto” em locais menos estimulantes. Assim, ao chegar a um destino diferente para uma trilha, há mais chances de o cão atender ao chamado e seguir o tutor.

+ Gravidez psicológica? Entenda como as cadelas desenvolvem isso

Não se esqueça de levar água, recipientes para recolher os dejetos do seu cão e manter uma placa de identificação na coleira. Alguns destinos, como parques nacionais, não costumam permitir animais domésticos em seu interior, pois a presença deles pode interferir na fauna local. Portanto, verifique antes as regras e as condições de segurança do local que pretende visitar.

Grupos que organizam este tipo de passeio

Para começar, hoje já existe um bom número de empresas especializadas nesse tipo de passeio, que organizam trilhas específicas para serem feitas com os cães. Todas as orientações para que o passeio seja tranquilo para todos são fornecidas antecipadamente e eles costumam escolher locais adequados para essa prática.

+ A cultura "pet friendly" está chegando com tudo no Brasil; entenda o que é

Tomando esses cuidados, que tal testar essa forma de interação com o cão que pode ser muito divertida para ambos? Vocês vão adorar fazer trilhas juntos!

Um abraço,

Alexandre Rossi. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.