Guia de Bichos
Seychellois / Balinese bicolour / Siamese bicolour

Seychellois / Balinese bicolour / Siamese bicolour

  • País de origem: Estados Unidos
  • Tipo de pelo: Curto

Tudo sobre Seychellois / Balinese bicolour / Siamese bicolour

Porte: médio
Área de criação: média
Energia: alta
Temperamento: amigável

Descrição

Um gato de médio porte e musculoso. Pelo mais longo e macio. A pelagem geralmente é de cor pálida ou levemente manchada. Há sempre manchas marrons no rosto, orelhas, patas e cauda. Forma uma máscara escura na face. A cor dos olhos é azul. O gato mais velho pode ter pelos mais escuros. A orelha é média e pontiaguda. 

  • Porte: médio
  • Escala de saúde (1 a 5): 4
  • Escala de energia (1 a 5): 4
  • Tipo de pelo: duas variedades, o curto e o médio-longo; macio e liso
  • Temperamento: inteligente, carinhoso, afetuoso e amigável
  • Expectativa de vida: 10 a 15 anos 
  • Peso: 3,5 a 7 kg

A raça descende de gatos orientais e é extremamente rara. Parece ter surgido nos anos 1980, relativamente jovem. A ideia da criadora era recriar felinos com a pelagem parecida com alguns que ela leu, originários de Seychelles. Ela fez isso cruzando Siameses com Persas e Orientais, o que resultou em felinos com a pelagem branca e manchada de outras cores mais escuras.

Características

Elegância é a característica inicial. Ágil, rápido, amoroso e extremamente inteligente Adora a companhia das pessoas. Seu comportamento fiel se assemelha a de um cão, pois ele segue seus donos, cerca e dorme em frente à porta, esperando o dono para pular no colo. Convive muito bem com outros gatos e com cães e ainda é muito independente. 

Seu miado é suave e ele sempre alerta o dono a qualquer sinal estranho. Brincalhão, se adapta facilmente ao barulho das crianças. Ótima companhia para a família. Exige atenção constante e o importante é estar com quem ama. 

É muito enérgico e precisa de companhia a todo momento, o que faz dele um gato apegado. É ágil e adora brincar com qualquer coisa, desde um papel amassado até um ratinho de brinquedo. O ideal é ter outro animal em casa para ser amigo dele quando a família não estiver.

  • Longo e elegante, com corpo angular em todos os sentidos; corpo esbelto e leve, mas musculoso
  • Cabeça longa e afunilada do ponto estreito do nariz para fora até as pontas das orelhas, formando um triângulo
  • Olhos amendoados expressivos, de tamanho médio e azul profundo; inseridos em uma inclinação oriental exclusiva do grupo dessa raça
  • Grandes orelhas triangulares, levemente arredondadas na ponta 
  • Pernas bem longas, finas e bem anguladas, sendo as traseiras maiores que as dianteiras
  • Patas ovais e pequenas
  • Cauda longa, fina e cônica
  • A pelagem do corpo pode ser branca, creme ou levemente manchada nas patas, cauda, face e orelhas

Cuidados básico

Todas as raças de gato devem ser escovadas regularmente. Tal prática favorece a limpeza da pelagem, além de prevenir a ingestão de pelos quando o animal se lambe. Conhecidos por sua higiene, gatos se limpam constantemente e isso dispensa banhos frequentes. 


Existem duas variações de pelagem: a curta e a longa. No primeiro caso, mais comum, a escovação só é necessária uma vez por semana. No segundo isso deve ser feito pelo menos três vezes semanais. 

As caixas de areia devem ser limpas diariamente, evitando que o animal escolha outros lugares para fazer suas necessidades. 

Os dentes devem ser escovados uma vez por semana, já que a raça tem tendência à gengivite. As unhas aparadas a cada 15 dias. 

Apesar de agitado, evite levar o gato para a rua, a fim de prevenir roubos e acidentes de carro.

Mantenha sempre alguma forma de entretenimento para o pet. Do contrário, ao ficar sozinho, poderá ser destrutivo e causar uma bagunça. Bigodes não devem ser cortadas, pois são defesas naturais do corpo do gato.


Alimentação

Gatos devem ter acesso constante a um comedouro e a um bebedouro bem
abastecidos.

Preferem água corrente e costumam ingerir mais líquido quando tem essa possibilidade, hábito que previne muitas doenças renais. Uma sugestão é deixar uma fonte em algum canto da casa ou acostumar o animal a beber água da torneira quando for aberta. 

A quantidade de ração varia de acordo com o peso do animal, sua atividade física e pode ser encontrada nas embalagens. A qualidade da ração é fundamental para a saúde do gato. As do tipo Premium e Super Premium são as nutricionalmente balanceadas. 

Até os doze meses, o Seychellois Longhair é considerado filhote. Nesta fase, a quantidade de ração varia de 30 a 60 gramas por dia. O alimento indicado são rações específicas para filhotes. 

A partir de um ano o gato é considerado adulto. Deve-se mudar a ração e a quantidade varia de 40 a 80 gramas/dia.

Espaço para criação

Este gato vive muito bem em apartamento ou casa. É uma raça que não deve ser deixada solta na rua. O ambiente pode ser qualquer um, desde que tenha companhia constante de pessoas.


Saúde

No geral essa raça é saudável, mas pode ter alguns problemas de saúde, como:

Amiloide, doença provocada pelo acúmulo da proteína Amiloide em órgãos e tecidos celulares do corpo, em especial o fígado, prejudicando a função deles.

Também pode ter doenças respiratórias, como asma e doença brônquica, além de cardíacas, como a estenose aórtica.

Curiosidades

​Por quê ter um Seychellois?
É uma ótima companhia para quem se sente solitário. Ele adora brincadeiras e, mais ainda, fazer parte das atividades da casa. Costuma ser dócil com crianças e pode ser um bom amigo para pessoas de todas as idades.

Tem energia de sobra e é perfeito para quem gosta de estimular o felino na hora de brincar, mas também espera um que deite no colo e seja calmo. Pode passar longas horas se entretendo; disposição é o que não falta.

Apesar de ter um temperamento parecido com o do Siamês, é menos vocal e mais tranquilo.

​Por quê não ter um Seychellois?
Só tenha esse gato se você tem tempo suficiente para lhe dar atenção e não passa o dia todo fora de casa. Ele de fato é muito apegado e fica triste e destrutivo ao se sentir abandonado. Deixá-lo longas horas sem companhia é sinônimo de casa bagunçada.

Muito enérgico, ele gosta de pular e subir em objetos da casa, o que pode ser mal visto se ele acabar destruindo algo sem querer. É sempre bom manter redes de proteção nas janelas e coisas quebráveis bem longe dele.

Conheça outras raças de gatos