Tamanho do texto

A dona criou um Instagram para anunciar e tentar devolver os objetos furtados por Back

A cleptomania é um distúrbio grave que faz a pessoa ter um desejo irresistível de roubar itens desnecessários e geralmente com pouco valor monetário. Normalmente, são só os seres humanos que desenvolvem essa doença, mas parece que um gatinho de Fernando de Noronha, Pernambuco, também é um cleptomaníaco. 

Leia também: Yorkshire faz companhia e ajuda no resgate de menina perdida em milharal

O felino não consegue se conter e rouba vários itens pessoais de seus vizinhos. Segundo o relato de sua dona nas redes sociais, Back aparece com cerca de três peças de roupa todos os dias. Meias, cangas, camisetas, peças íntimas, bermudas... Nada fica de fora. Por causa dessa compulsão inusitada, o gatinho ficou conhecido como cleptomaníaco .

Gato cleptomaníaco rouba itens pessoais dos moradores e turistas de Fernando de Noronha
Reprodução Instagram
Gato cleptomaníaco rouba itens pessoais dos moradores e turistas de Fernando de Noronha

Observando a situação, sua tutora, Andresa Medeiros, criou um perfil no Instagram para anunciar e tentar devolver as peças furtadas. "Me perdoem, vizinhos, mas eu realmente sofro da doença do roubo, sou cleptomaníaco, mas estou super disposto a devolver tudinho. Por favor, ajudem a minha mãe a achar os donos das peças que estão expostas no meu perfil", escreveu na legenda de uma das publicações. 

Leia também: Garoto lê livros do Harry Potter para ajudar gato cego a confiar nas pessoas

A maioria dos roubos acontecem durante a noite. Andessa tenta prendê-lo no quarto para evitar os furtos, mas tem dias que é impossível. Assim que escurece, Back foge de casa para procurar mais objetos. Algumas vezes ele é pego pelas câmeras de segurança, mas nem assim se intimida.

"Na calada da noite com minha super visão noturna, furtei uma regata preta feminina. Mesmo sabendo que estou sendo filmado, porque eu sei! Até porque eu sempre olho para as câmeras (observem), mesmo assim eu não me controlo e vou que vou rumo aos furtos. Juro que não é maldade, sou dodói", escreveu Andressa na legenda do vídeo capturado pela câmera.

Leia também: Gato de 30 Kg surpreende e preocupa abrigo devido ao seu tamanho

Agora que os moradores e os turistas da Vila do Trinta conhecem o autor dos delitos, recuperar seus pertences ficou mais fácil. "Graças a Deus meus bons vizinhos já estão ciente do meu jeito cleptomaníaco e já sabem onde recuperar seus panos e roupas", comentou no Instagram. 

    Leia tudo sobre: Instagram
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.