O cãozinho Bebe foi levado ao veterinário por estar em péssimas condições e um microchip de identificação levou os médicos até sua família

No ano de 2006 a família de Iris Candelaria não estava procurando por um animal de estimação, mas tudo mudou quando conheceram Bebe, uma mistura das raças  Maltês e Yorkshire . O cãozinho se tornou rapidamente um membro da família, seguia as pessoas pela casa e estava sempre brincando com as crianças. Foi um tempo de muito amor e alegria, mas o bichinho logo se tornaria um cachorro perdido. 

"Eu senti amor por ele desde a primeira vez que o vi. Ele era tão pequenino e tão fofinho, parecia um ursinho de pelúcia. Na época eu estava com depressão e ele mudou a minha vida e a das minhas filhas. Foi realmente desencorajador e esmagador quando ele sumiu", disse Iris ao site americano The Dodo sobre o cachorro perdido que desapareceu enquanto brincava no quintal que era todo cercado. 

O cachorro perdido Bebe reapareceu após 11 anos
Reprodução Facebook
O cachorro perdido Bebe reapareceu após 11 anos

A partir do sumiço várias medidas na tentativa de achar Bebe foram tomadas. O bairro onde a família morava ficou cheio de cartazes com a foto do cachorrinho, todos os abrigos próximos foram contatados, mas nada surtia resultado. Com o passar do tempo a família começou a pensar no pior, mas torcia para que o bichinho tivesse sido encontrado por alguém e estivesse sendo bem cuidado. 

Leia também:  Lei que permite a visita de pets em hospitais de São Paulo é aprovada

Para tentar diminuir um pouco a dor da perda, a família deu boas vindas a três novos bichinhos. Dois pit bulls chamados Fatty e Mia e um cachorrinho que vivia na rua que ganhou o nome de Croissant. 

Quando menos esperava, Iris recebeu uma mensagem no Facebook, era uma clínica veterinária perguntando se ela já havia tido um cãozinho mistura das raças Maltês e Yorkshire. O contato só foi possível graças ao microship que Bebe possuía, Iris fez o procedimento de implantação pouco antes de ele sumir. 

A clínica enviou uma foto de Bebe e Iris logo o reconheceu
Reprodução Facebook
A clínica enviou uma foto de Bebe e Iris logo o reconheceu

Ao ver a foto enviada pela clínica, Iris sabia que se tratava de Babe, mesmo que ele estivesse em más condições. O cachorrinho teve seus cuidados negligenciados e estava com uma pata machucado, muito sujo e com poucos dentes. Após dois dias internado, ele estava liberado para reencontrar sua família. 

Leia também:  Beagle obesa perde mais da metade do peso e ganha uma vida nova

"Eu nunca perdi a esperança, mas estava muito nervosa, não sabia se ele me reconheceria. Mas ele está do mesmo jeito que eu lembrava, para todos os lugares que eu vou ele me segue. Milagres acontecem!", disse Iris. 

Assista ao vídeo de Iris reencontrando o cachorro perdido.  



    Leia tudo sobre: Facebook Notícias
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.