O gato persa é uma das raças de gato mais conhecidas e amadas mundialmente; conheça as principais características deles

O gato persa é uma das raças mais conhecidas
Reprodução
O gato persa é uma das raças mais conhecidas

As raças de gato não são tão famosas e conhecidas como as de cachorro e isso é muito explicado pelo fato de que no Brasil a maior parte dos gatos de estimação são os vira-latas. Mas o gato persa sai um pouco dessa realidade. Todo mundo conhece o focinho achatado e o pelo branco e comprido dos bichanos.

A peculiaridade do gato persa vai muito além de sua beleza, que realmente chama a atenção. Eles possuem algumas características e curiosidades muito particulares. Confira. 

Origem 

Assim como acontece com outras raças, não temos documentos que indiquem a origem do persa. A teoria mais aceita diz que um explorador italiano chamado Pietro Della Valle introduziu a raça na Europa depois de ter visitado a Pérsia, o atual Irã, em 1620. Ele teria pegado quatro pares de um gatinho peludo que havia encontrado no país estrangeiro.

Os gatos persas existem há mais de 125 anos e cientistas acreditam que o pelo longo, resultado por gene recessivo no DNA do animal, se originou devido a uma adaptação natural ao clima extremamente frio da região onde viviam. A raça começou a ser emplacada pelos ingleses e chegou ao continente americano no final dos anos 1800. 

Principais características do gato persa

Os persas são conhecidos principalmente por terem o pelo longo e o focinho achatado, podendo aparecer em diversas cores, sendo a branca a mais popular. Animais bem calmos e companheiros, os persas não são o tipo de gato que vai correr loucamente atrás de uma bolinha ou quase dar cambalhotas durante uma brincadeira. Mas também não acredite na fama deles serem quase uma estátua peluda, esses bichanos são extremamente inteligentes e companheiros. São considerados uma das raças mais independentes. 

Alimentação

via GIPHY

A alimentação do persa não difere de outras raças. É preciso comprar a ração ideal para seu peso e idade, e não restringi-la. Ou seja, seu pote deve estar sempre com comida.

Cuidados

Você precisa cuidar dos olhos do persa, eles são facilmente atacados pela constipação, uma secreção muito comum que os incomoda muito. Limpe os olhos com soro fisiológico para evitar bactérias e fungos.

Escove seu pelo diariamente durante, pelo menos, 10 minutos. Isso evitará que ele embole e embarace. No verão o gato fica muito desconfortável por causa do pelo, portanto, leve-o ao tosador. Dê banho no máximo uma vez por mês e utilize sempre produtos especiais, como shampoo e condicionador.

Curiosidades sobre o persa

O gato persa branco é o mais popular
Reprodução
O gato persa branco é o mais popular

- O focinho recente

O focinho achatado é a marca registrada do persa. Mas o que pouca gente sabe é que esse formato é recente. Até a década de 50, o focinho do persa era tal como o da maioria das raças. Mas uma anomalia genética atingiu diversos gatinhos e se propagou durante os anos. Essa anomalia reduziu o focinho, deixando-o como nós o vemos hoje.

- Independência acima da média

Os gatos são conhecidos por sua independência. O impressionante dos persas é que eles são ainda mais independentes que as outras raças. Eles exigem pouca atenção para crescerem saudáveis. Por isso, são ideais para pessoas que não possuem muito tempo para dedicar ao gato. Obviamente, isso não significa que o animal deve ser esquecido. Como todos os animais de estimação, o gato persa precisa de cuidados. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.