O cigarro provoca danos à saúde dos animais tão alarmantes quanto nos seres humanos

Fumantes já estão acostumados a evitar acender um cigarro perto de bebês e crianças, mas poucas pessoas pensam que o mesmo deve ser feito com os animais. Há estudos que comprovam que a fumaça inalada por quem está perto de alguém fumando um cigarro pode causar tantos danos à saúde quanto se a própria pessoa estivesse fumando, e o mesmo se aplica aos animais de estimação dos quais cuidamos dentro de nossas casas.

+O cachorro com anemia pode estar assim por vários motivos; saiba quais

Na verdade, existem pesquisas que mostram que os animais de estimação podem ser mais afetados do que as crianças com a fumaça do cigarro, devido a altura menor dos bichos, que os torna mais passivos de serem afetados pelos produtos químicos do tabaco que aderem aos tapetes e outras superfícies, por isso é necessário que os donos tomem cuidado redobrado quando resolverem fumar perto de seus companheiros peludos.


As consequências da inalação de fumaça de cigarro para os animais de estimação 

Os donos de animais de estimação estão constatemente preocupados com a higiene, o bem-estar e a alimentação de seus companheiros, mas é difícil imaginarmos nos malefícios que o nosso hábito de fumar pode trazer aos bichinhos. Pesquisas indicam que o cigarro pode trazer malefícios para os animais como bronquite alérgica, pneumonia, conjuntivite crônica, aumento de peso, fadiga, alergias, rinite, coceiras e lesões na pele e na córnea, espirros e tosses.

Existem estudos que chegam a mostrar que os animais podem até desenvolver câncer quando são expostos ao cigarro, da mesma forma que ocorre com os seres humanos, o que pode levá-los a morte por um vício de seus donos. Os tipos de câncer mais comuns de animais desenvolverem são de boca, nariz e pulmão.

+O coração do seu pet está saudável? Confira alguns cuidados necessários

Mas eu fumo perto do meu animal de estimação e ele está bem!

Como um fumante pode proteger seu pet do cigarro?
Reprodução
Como um fumante pode proteger seu pet do cigarro?


Infelizmente não é só pelo fato de seu pet ainda não ter manifestado nenhuma das doenças citadas acima ou um comportamento estranho devido a exposição ao cigarro que ele está imune aos malefícios do cigarro. Os danos podem ser silenciosos, o que é extremamente perigoso.

Mesmo que o dono não tenha o hábito de consumir cigarros dentro de casa é muito importante que o pet não o siga para fora na hora em que ele resolver fumar, pois o problema vai continuar a ser o mesmo.

+Pets também podem ter dor de cabeça e o tutor precisa identificá-la

Se você for fumante e tiver percebido algum problema de saúde em seu animal de estimação, como espirros e tosse, não pensem duas vezes antes de levá-lo para uma consulta com o veterinário, que poderá fazer exames e os tratamentos necessários para que a saúde de seu pet não seja comprometida em função dos cigarros.









O melhor jeito de proteger os animais e todos que vivem com você dos malefícios do cigarro é parando de fumar, mas para minimizar os riscos enquanto você ainda for um fumante, é melhor que você fume apenas ao ar livre, pois assim você evita que a maior parte das partículas do fumo poluam a sua casa. Também é recomendável usar um purificador de ar de alta qualidade dentro de sua casa, pois ele irá ajudar a eliminar o excesso de toxinas que o cigarro libera no ar.

É importante também lembrar de lavar as mãos depois de fumar, antes de tocar em seu pet. Seria ideal lavar até os cabelos depois de fumar para não expor os animais a nenhum risco. Mantenha os cinzeiros sempre limpos e em sacos fechados, para que os animais não consigam chegar perto dele de jeito nenhum.  

+Você saberia o que fazer se o cão levasse uma picada de inseto?

A post shared by W a l y. (@walybethmendoza) on









Com essas dicas você preserva a saúde de seu animal de estimação, que pode estar sendo silenciosamente prejudicado pelo hábito de fumar cigarros de seu dono, que não imagina que está fazendo mal ao seu amigo por fumar perto dele diariamente.

É importante também lembrar de sempre levar o seu animal de estimação para visitas regulares ao veterinário, para que ele possa ser examinado e avaliado, de forma que qualquer problema de saúde seja tratado rapidamente.  

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.