Alguns cãezinhos se tornam bastante inconvenientes quando alguém está se alimentando perto deles

Olá, amigos do Canal do Pet! Hoje eu quero falar com você sobre aquele cachorro pidão que fica de olho em qualquer comida. 

+ Rações ajudam na dieta para cães e combatem a obesidade canina

O cachorro pidão é aquele que não pode ver comida que já chora, late e faz aquela carinha fofa
shutterstock
O cachorro pidão é aquele que não pode ver comida que já chora, late e faz aquela carinha fofa

Resistir àquela a cara que esse cachorro pidão faz quando estamos comendo não é uma tarefa tão fácil para muitos tutores. Algumas pessoas podem até achar injusto não dar nem ao menos um pedaço aos cães. Mas é importante ter em mente, no entanto, que muitos alimentos para humanos podem fazer mal aos animais. Em função disso, não se deve oferecer aos pets nem um pedacinho sequer. Você sabia, por exemplo, que a uva pode ser muito nociva para eles?

Cães pidões

Mas e com os mais gulosos, o que fazer para evitar que o pet fique pedindo comida sempre que alguém da família estiver comendo? O primeiro passo é resistir às investidas do amigo e ignorar esse comportamento.

Isso porque, se o pet associar que ao “pedir” (seja latindo, pulando, chorando etc,) ele sempre ganha aquele pedacinho gostoso para ser degustado, o comportamento tende a se repetir em outras oportunidades, já que ele aprendeu que basta solicitar que a comida logo vem. 

+ Ignorar pode ser uma grande arma na hora de educar o cachorro

Outra dica é incentivá-lo a, enquanto a família faz suas refeições, interagir com brinquedos que dispensam comida – uma forma de ele se alimentar mais demoradamente e, ainda, se manter distraído. Existem hoje várias opções nos pet shops, mas os tutores podem também desenvolver brinquedos alternativos com materiais facilmente encontrados em casa.

via GIPHY


Ideias para deixar a hora de comer do cão mais divertida

Utilizando uma garrafa pet, por exemplo, você pode fazer um brinquedo divertido para cães, colocando um pouco de ração dentro e fazendo alguns furos nela. Comece fazendo orifícios maiores, até que o animal pegue o jeito e entenda que basta movimentar a garrafa para a comida ser liberada.

Depois, aumente o grau de dificuldade, diminuindo o tamanho e o número de furos. Isso vai entretê-lo por algum tempo, até que consiga comer tudo o que tem dentro do brinquedo (lembrando que, por questão de segurança, deve-se sempre supervisionar o pet nas primeiras brincadeiras, para verificar seu grau de destrutividade e se ele engole pedaços eventualmente picotados).

+ Cão agressivo? Saiba o que pode ser feito

Outra boa opção é bolar brincadeiras que permitam que o animal use os seus instintos para procurar comida, como o olfato, por exemplo. Esconda alguns petiscos ou ração pela casa e o incentive a procurar. Essa caça ao tesouro é garantia de sucesso: eles costumam adorar! e se for proporcionada durante as refeições da família, ele estará lá entretido com a dele.

Outra ideia é congelar grãozinhos de ração nas formas de gelo e oferecer ao pet. Além de refrescar, ele ficará um tempo com esse picolé até que chegue a comida. 

Seguindo essas dicas, o cachorro pidão irá melhorar muito e todos ficarão satisfeitos na hora da refeição, tanto humanos quanto os bichinhos.

Um abraço,

Alexandre Rossi. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.