Um cachorro acostumado a passar boa parte do dia sozinho pode mudar o comportamento quando ganhar muita atenção dos donos por muito tempo

Olá, amigos do Canal do Pet! Hoje eu vim falar um pouco mais sobre a importância do adestramento. 

Leia Mais:  O que muda no adestramento de animais deficientes

O adestramento do cachorro é muito importante para melhorar a relação com o dono
Reprodução Pinterest
O adestramento do cachorro é muito importante para melhorar a relação com o dono


Com a chegada das férias de verão, muitas pessoas aproveitam para curtir os momentos de descontração com os seus pets. A dica para que esses momentos sejam muito bem aproveitados é o adestramento , treinar alguns comandos com os cães e, dessa forma, estabelecer um canal de comunicação que vai melhorar a interação e gerar diversão, pois o animal começa a entender o que queremos e esperamos dele.

O adestramento baseado no reforço positivo, ou seja, utilizando recompensas que o animal goste bastante para premiar os acertos, é a forma mais eficaz de ensinar, utilizada amplamente no mundo todo.

Começando

Para iniciar os treinos com um cão que nunca recebeu treinamento, devemos induzir o movimento que queremos ensinar e recompensar exatamente no instante em que o comportamento ocorrer.

A utilização do clicker auxilia bastante no treinamento. O clicker é aquele aparelho que emite um som curto e seco ao ser pressionado e que marca o exato momento em que o comportamento esperado ocorreu, ficando claro para o pet que acertou e que logo em seguida receberá a recompensa. Após algumas sessões de treinamento, o som do clicker significará “acertei, agora vou ganhar minha recompensa!”.

Por exemplo, para ensinar o SENTA, basta manter um petisco entre os dedos e bem perto do focinho, movendo a mão para trás. A tendência é que ele naturalmente se sente ao olhar para cima e tentar pegar o petisco e, nesse momento, aciona-se o clicker e o cão é recompensado. Após algumas repetições, quando o movimento se tornar automático, começamos a falar o comando verbal. 

Leia também: Sabe o que é "clicker"? Conheça esta poderosa ferramenta para o adestramento

Outro comando interessante a ser ensinado é o VEM. Certamente um comando muito útil quando estamos com o cão no parque, por exemplo. O segredo para ensinar é associar o chamado sempre a algo muito legal.

Ou seja, quando o cão ouvir o tutor chamando, ele tende a atender logo, pois sabe que ganhará algo que gosta bastante. Por isso, é importante lembrar: não utilize o comando VEM para situações desagradáveis para o cão, como, por exemplo, ir embora do parque, pois, assim, ele passará a associar que o chamado do dono não significa algo tão legal assim.

Outro comando bastante divertido é o BUSCA e SOLTA, quando se ensina o cão buscar um brinquedo, trazê-lo e soltá-lo. O ideal é usar dois brinquedos que o cão adore, e esses dois comandos acabam gerando momentos muito divertidos entre o cachorro e as pessoas, especialmente em locais amplos.

via GIPHY


Como fazê-lo soltar a bolinha?

Fazer o cão perseguir a bola é mais fácil, pois ele costuma ser muito motivado a perseguir algo que se move. Mas nem sempre é tão fácil ensinar o cão a trazer de volta e soltar. O grande segredo é ter duas bolas ou brinquedos iguais, que ele valorize de forma igual. Quando se joga um, começa-se a brincar com o outro.

A tendência natural, ao ver outro brinquedo sendo mais valorizado pelo tutor, é que o cão solte aquele que estiver em sua boca. Nesse momento, deve-se clicar e jogar o outro imediatamente.

Leia mais:  Alexandre Rossi fala sobre a importância do adestramento para animais

Quando o cachorro entender a dinâmica, começamos a clicar somente quando ele solta o brinquedo perto de nós e depois, na mão. O treino se torna rapidamente uma brincadeira muito divertida, que acaba sendo a recompensa mais legal!

Usando o adestramento com reforço positivo e aplicando as dicas acima, é possível ensinar vários comandos divertidos aos cães (e a outros pets também), tornando tudo uma brincadeira extremamente divertida durante as férias ou em qualquer oportunidade.

Um abraço,

Alexandre Rossi. 

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.